Poemas

Consciência I

 

Agora não tenho mais
Pressa. Faço tudo com a
Calma de quem sabe
Que o tempo à frente
É eternidade.
Olho o passado, o presente,
O futuro,
E tudo se confunde
Num grande Tempo,
Maiúsculo, infinito,
Que se define numa palavra,
Oculta e misteriosa,
Misto de Sabedoria
E ciência. 

25/04/2014.

Escrito por:  Nagib Anderáos Neto
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Fale Comigo

Nome:
Telefone:
E-mail:
Messagem:

Newsletter

Receba Nossas novidades


Cadastrar

Siga-me