Poemas

Onde e Aonde

Até aonde irei,

Não sei.

Sei que caminharei

Pelos caminhos que construí.

Sei que estarei

Onde sempre quis

Habitar:

Longe das discórdias,

Da pouca inteligência,

Onde houver a harmonia,

Alegria e boa convivência.

Estarei no bem -estar

De minha consciência,

Fora do burburinho,

Da algazarra,

Da ausência.

Eu e minha essência.

 

Escrito por:  Nagib Anderáos Neto
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Fale Comigo

nome:

Newsletter

Receba Nossas novidades


Cadastrar

Siga-me

 

Artigos e Crônicas