Poemas

Para Antoine

 

O Príncipe
Pequeno
O Príncipe
Mostrou
Apontou
Silenciou.

No deserto
Sem livros
O lápis desenhou
A cobra
O elefante
A caixa
A cabra
O que restou
Do encanto
Da infância
O Chapéu
O sol
A Terra
O asteróide
Um resto
De avião.

Da emoção ficou
O afeto
A raposa
A flor
A cativação
No deserto
Da emoção.

O Príncipe é a criança
Que segue vivendo
No amor
Na alegria
Onde for
No teu coração.

Escrito por:  Nagib Anderáos Neto
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Fale Comigo

nome:

Newsletter

Receba Nossas novidades


Cadastrar

Siga-me

 

Artigos e Crônicas